Tempo de leitura: 6 min

Segurança é coisa séria e existe uma legislação especifica para cada tipo de equipamento de segurança. Assim, disponibilizar os chamados EPIs – Equipamentos de Proteção Individual e ter o controle de EPIs é fundamental para que sua empresa garanta a saúde e o bem estar de seus funcionários.

De uma maneira geral, os EPIs garantem a integridade física e a saúde dos colaboradores. Podem ser abafadores de ruídos, protetores auriculares, máscaras, luvas e muitos outros, dependendo do seguimento de negócio da sua empresa.

É importante ter e entregar os EPIs aos seus funcionários, mas é igualmente importante ter o controle destas entregas do EPI, do documento de entrega para o funcionário, ainda mais neste período de quarentena. Neste artigo, você vai entender mais sobre EPIs e principalmente sobre Controle de EPI. Acompanhe.

O que é um EPI e Qual a sua Importância?

O EPI – Equipamento de Proteção Individual são dispositivos destinados à proteção de colaboradores/funcionários de sua empresa contra riscos relacionados à sua saúde e segurança no trabalho, por conta de suas próprias atividades.

Toda e qualquer atividade, em suma, oferece um certo grau de risco ao ser executada. Por isso da necessidade e da importância de se usar os EPIs corretos para aquela função.

Sua destinação, como já dito inclusive, é evitar acidentes de trabalho. Protegem principalmente a pessoa enquanto executa suas atividades no trabalho e também protege a empresa, pois evita acidentes de trabalho e as consequências legais deste tipo de ocorrência para a organização.

Tipo e forma variam muito, dependendo da atividade. Além de tê-los, é importante ter um controle de EPI entregue, para salvaguardar a empresa de qualquer infortúnio legal.

Apesar de ser de responsabilidade da organização fiscalizar o uso destes equipamentos pelos colaboradores, a inobservância de seu uso por parte do funcionário pode representar falta grave, além dos riscos de acidente.

Deste modo, o controle de EPI, de sua entrega, protege a empresa e também o funcionário, que sabe de sua própria responsabilidade para com o uso do equipamento enquanto trabalha.

Que Tipo de EPI é mais Indicado para a Minha Empresa?

Para ter uma definição dos EPIs apropriados para a sua organização, é preciso saber antes quais tipos de riscos são oferecidos ao trabalhador e que possam colocar o mesmo em situação de vulnerabilidade.

A legislação específica que trata de EPIs no âmbito da segurança e saúde do trabalhador é estabelecida pela própria CLT – Consolidação das Leis do Trabalho, através da Lei nº 6514 de dezembro de 1977, Capítulo V da CLT, que visa estabelecer toda a regulamentação de segurança e medicina no trabalho.

Durante esta avaliação de risco para indicar quais os EPIs necessários, é preciso conhecer também todo o ambiente de trabalho, pois este vai influenciar diretamente no tipo de equipamento ideal. Confira as dicas:

  • Faça por escrito e nos mínimos detalhes uma avaliação de risco de atividade;
  • Verifique a Ordem de Serviço específica que foi emitida para esta atividade em questão;
  • Verifique a Análise Preliminar de Risco (aqui é também é importante reunir os colaboradores envolvidos na realização da tarefa);
  • Tenha um Mapa de Risco da empresa. Sua análise também deve ser levada em consideração para estabelecer os EPIs apropriados;
  • Observar o PPRA, que é o Programa de Prevenção de Riscos Ambientais.

Se necessário for, contrate uma empresa específica para lhe ajudar nestas definições. Estas serão o seu parâmetro para definir, adquirir e disponibilizar os equipamentos de proteção corretos para as atividades exercidas em sua empresa.

Analisando as Responsabilidades sobre EPI

Os EPIs, como já dissemos aqui, é a garantia mínima de que seus colaboradores estarão protegidos enquanto executam suas atividades dentro da sua empresa. No entanto, ele por si só não resolve todas as etapas de segurança.

O local de trabalho também precisa contar com equipamentos básicos de segurança, como extintores, saídas de emergência, macas, entre outros. Além disso, existem atividades de extremo risco que exigem o pagamento de um percentual a mais nos respectivos contracheques dos colaboradores.

Pela Resolução 121/2003, DJ 19, 20 e 21.11.200, presente na redação da Súmula 289 do TST, o simples fornecimento de EPI não exime o empregador do pagamento de um adicional por insalubridade.

Além disso tudo, é de responsabilidade do empregador a entrega, o controle do EPI e também o uso do mesmo por parte de seus funcionários, mesmo considerando que estes últimos tenham uma parcela de responsabilidade também.

Como Exercer o Controle de EPI

Como já dito acima, o controle de EPI é importante tanto para a empresa como para o próprio funcionário. Entre as diversas alternativas para se controlar o recebimento e o uso dos equipamentos de segurança, podemos citar fichas de controle de EPI.

Estas fichas teriam a assinatura do próprio colaborador e a descrição do equipamento entregue, data, entre outros e seria o documento oficial para ser devidamente arquivado pela empresa.

Deste modo, em caso de algum acidente de trabalho, é possível comprovar se houve falhas na entrega, se houve negligência, mau uso ou se o equipamento poderia já apresentar desgastes.

Como você tem feito o controle de EPI na sua empresa? Os sistemas de gestão empresarial atuais, como os da Bessani Softwares, possuem as soluções adequadas para lhe ajudar na criação deste documento, evitando problemas futuros.

É fundamental ter este controle de EPI, principalmente agora neste momento em que vivemos com o advento da pandemia causada pelo Covid-19, onde as atenções se voltaram totalmente para a segurança e a saúde das pessoas.

Além deste Controle de EPI e das soluções para a criação e entrega deste documento, os sistemas de gestão empresarial da Bessani.Softwares possuem outras tantas soluções para a sua empresa como um todo, que pretendem automatizar e otimizar eficientemente diversos processos.

Assim, toda a gestão fica bem mais fácil e eficiente, desde o controle de EPI correto, ao setor produtivo, vendas, financeiro, controle de estoque e muitos outros.

Se você está tendo problemas no Controle de EPI na sua empresa, talvez seja a hora de conversar com um de nossos consultores e descobrir como um software ERP da Bessani.Softwares poderá lhe ajudar neste trabalho.

Soluções ERPPowered by Rock Convert

Deixe aqui seu comentário