Tempo de leitura: 3 min

Nem sempre a empresa apresenta os resultados esperados. É comum, quando isso acontece, que o responsável comece a procurar a origem do problema. Normalmente, pensamos primeiro nos departamentos financeiro, tributário, vendas… No entanto, há erros na gestão do estoque que podem influenciar muito mais do que se imagina.

O estoque é um item importantíssimo, visto que é ele que determina, em grande parte, a pontualidade nos prazos de entrega. Além disso, sua rotatividade indica em quais produtos ou matérias-primas é preciso investir mais (ou menos).

Problemas em sua gestão podem resultar em itens parados por muito tempo ou falta de mercadorias essenciais para o bom funcionamento da empresa. Para entender melhor onde podem estar os problemas, listamos abaixo os principais erros de gestão de estoque que costumam assolar as empresas.

Erros na gestão de estoque

1. Não acompanhar o giro dos produtos

O giro de um produto pode ser entendido como o tempo que ele permanece em estoque, desde a aquisição até a venda. Conhecer esse tempo ajuda o gestor a programar melhor a reposição e evita um dos maiores erros na gestão de estoque. Assim, é possível entrar em contato com o fornecedor e realizar o pedido em um tempo hábil para que o item em questão não fique em falta.

Além disso, o giro ajuda a calcular a quantidade necessária para compra. Existem itens que são menos vendidos, mas isso não justifica simplesmente deixar de comprá-los. Basta determinar a quantidade correta e garantir que haja o suficiente para suprir a demanda (ainda que ela seja pequena).

2. Não registrar entradas e saídas

Um bom gestor sabe exatamente quais produtos há em seu estoque. Para isso, entretanto, é necessário registrar fielmente todas as entradas e saídas de mercadorias. O ato de baixar produtos vendidos do estoque e inserir os novos sempre que recebê-los deve se tornar uma obrigatoriedade em sua empresa.

Quando você simplesmente deixa para depois, os lançamentos podem acabar caindo no esquecimento. E dessa forma você perde totalmente o controle do seu estoque. Quanto mais as atualizações forem adiadas, mais difícil será restabelecer a organização.

3. Não fazer a integração com outros setores

Uma boa maneira de garantir os lançamentos que citamos no tópico acima é a partir da integração de setores. Se você utiliza um sistema de automação que permite que os itens sejam baixados automaticamente quando vendidos e incluídos quando comprados, o trabalho da sua equipe comercial tende a ser otimizado.

Uma ferramenta que permite integrar o lançamento de itens com a emissão de notas fiscais de vendas ou o registro de compras é a melhor escolha para quem deseja manter um controle rigoroso de todos os itens que há no estoque da empresa.

Como se pode ver, recorrer à tecnologia é uma ótima solução para minimizar os erros na gestão de estoque. Ferramentas de automação otimizam o tempo e o trabalho da sua equipe e ainda mantêm você informado sobre os resultados de cada setor.

Se este post foi útil para você, não deixe de ler também sobre como um software de gestão pode ajudar sua empresa a reduzir custos.

Soluções ERPPowered by Rock Convert

Deixe aqui seu comentário