Tempo de leitura: 10 min

Um dos pilares de qualquer empresa é manter um relacionamento com cliente interno e externo, pois é exatamente esse o caminho para o sucesso.

Quando se trata de um maior engajamento e fidelização de clientes, existem estratégias específicas não apenas para atrair novos clientes, mas também para tornar o relacionamento ainda mais próximo com seus clientes atuais.

Nem sempre isso é fácil, principalmente diante de tanta concorrência no mercado, mas a partir do momento que você entende o que realmente funciona, as chances são que você se diferencie dos seus concorrentes e assuma uma posição de destaque no seu segmento.

Se você ainda não tem ideia de como construir esse relacionamento e melhor, mantê-lo, separamos aqui algumas dicas que podem lhe ajudar bastante.

O que são clientes internos e Externos?!

Antes de você aprender a como construir um relacionamento com clientes internos e externos, o primeiro passo é saber diferenciar bem clientes internos de externos.

O cliente interno nada mais é do que o colaborador da empresa, que ao trabalhar com outros membros da equipe, busca por soluções assertivas para a organização.

E manter esse ambiente saudável e harmonioso é o melhor a ser feito, pois isso acaba influenciando nos resultados da empresa, e consequentemente nos processos externos da empresa.

Todos sabemos que contar uma equipe que colabora e seja proativa deve ser o foco de qualquer organização.

Por outro lado, o cliente externo, como o nome já sugere, é aquele consumidor final, ou seja, quem compra os produtos e/ou serviços da empresa.

E se você pensar bem, muitas vezes, é através dessa relação que a marca é mais visível ou não, embora existam outros fatores que devem ser levados em consideração.

Por que é importante o relacionamento com cliente externo e interno

Você já viu a diferença entre cliente interno e externo, mas por que esse relacionamento é importante?

Principalmente para que todos os objetivos que você traçou sejam alcançados da melhor maneira possível.

E sempre lembrando que essa relação precisa ser bem clara e objetiva, para que o outro compreenda tudo o que você quer passar.

Existe um outro ponto muito interessante: quando você mantém um bom relacionamento com seu cliente externo, há um impacto direto no seu cliente interno.

Por exemplo, passa a se empenhar muito mais, ficar mais motivado, ser mais produtivo, e tudo isso se traduz em uma menor resistência do cliente externo em relação ao seu negócio.

Resumindo, os dois clientes acabam ganhando e mais importante, sua empresa passa a ver os resultados se concretizando.

Na verdade, existem métodos e técnicas que você pode implementar na sua empresa para desenvolver um excelente relacionamento, não somente com seus clientes externos, assim como com a sua equipe.

Dicas para construir um bom relacionamento com o cliente

Muitas empresas cometem o erro de focar apenas no relacionamento com seus clientes externos e acabam negligenciando a relação com seus funcionários.

E, na verdade, os dois devem ser uma prioridade, e veja agora algumas dicas de desenvolver um bom cliente, seja ele cliente externo ou interno.

1.Apresentar soluções

Geralmente, o seu cliente chega até a sua empresa em busca de uma solução para um determinado problema, onde você e sua equipe devem estar preparados para resolver isso.

Por isso que é importante ouvir o que seu cliente externo está dizendo e a partir do momento que a sua empresa dá a solução, a tendência é que ele fique satisfeito e fiel à sua empresa.

Ou seja, você precisa construir uma relação de confiança com seu cliente!

2.Saber o que estão dizendo sobre a sua marca

É importante ter um feedback do que estão falando sobre sua marca, porque às vezes as pessoas podem não estar falando tão bem.

Avalie os prós e os contras, e concentre-se em melhorar as falhas, de forma a garantir uma melhor experiência para seu cliente.

Caso a sua empresa esteja presente nas redes sociais, preste atenção aos comentários, não somente os positivos, mas principalmente aos negativos.

A ideia aqui é fazer com que sua marca seja lembrada pelos bons produtos e serviços que oferece.

3.Esteja sempre presente

A base para manter um relacionamento com clientes internos e externos é estar sempre presente.

Assim, você consegue detectar as reais necessidades e propor soluções mais assertivas.

Por exemplo, ofereça para seu cliente externo conteúdos relevantes, informações úteis e até mesmo promoções. Isso vai fazer com que ele se interesse cada vez mais por seus produtos e serviços.

Esse acompanhamento é fundamental, mas também não se esqueça de estar sempre próximo de seus clientes internos, onde eles sintam em você um líder que podem confiar.

4.Coloque em prática a empatia

Em qualquer relacionamento, seja profissional ou pessoal, a empatia é a peça chave, que é você se colocar no lugar do outro.

É importante você conhecer o lado do seu cliente e entender a fundo quais são suas verdadeiras necessidades.

Quando ele percebe que você entendeu perfeitamente o seu problema, cria uma maior identificação com a sua marca e provavelmente, a venda está meio caminho andado.

5.Estudar o comportamento do consumidor

É fundamental saber qual é o perfil de seu cliente, e com base nessas informações, você pode oferecer seus produtos e/ou serviços.

Tenha em mente que você é que deve dar a solução para aquele problema, seja através de seus produtos ou serviços.

Por isso que vale a pena dedicar um tempo para obter esses dados e no momento de oferecer algo, você consegue direcionar o produto certo para aquele consumidor.

6.Ofereça benefícios

Falamos até agora muito de clientes externos, e os internos?

Assim como você deseja que seus clientes externos fiquem satisfeitos, deve fazer a mesma coisa com seus clientes internos.

Isso porque já está mais do que provado que uma equipe que trabalha satisfeita é muito mais produtiva e motivada em alcançar os objetivos traçados pela empresa.

E que benefícios seriam esses? Convênios médicos, parcerias com academias, salões de beleza, cinemas, etc. Tudo depende do tamanho da sua empresa e do número de funcionários.

Essa também é uma ótima forma de sua empresa reter profissionais de ponta e assim, eles nem pensam em buscar outras oportunidades de trabalho.

Qual a importância de desenvolver relacionamento com o cliente interno

É óbvio que o sucesso ou fracasso de uma empresa está pautado especialmente no bom relacionamento com o cliente externo.

Isso quer dizer prestar um atendimento de qualidade, suprir todas suas necessidades, oferecer os melhores serviços, entre outros.

E por que desenvolver um bom relacionamento com o cliente interno?

Para manter um ambiente de trabalho harmonioso, serem mais produtivos, mais motivados e isso se reflete no relacionamento com os consumidores.

Não é uma tarefa muito fácil, mas quando a gestão é feita de forma eficaz, a equipe trabalha com satisfação e todos os processos fluem naturalmente.

Dessa forma, os objetivos da empresa são alcançados com muito mais facilidade, e no final, todos estão satisfeitos: clientes internos e externos.

Para isso, hoje existem diversas ferramentas que auxiliam os colaboradores nas suas tarefas, e ao automatizar o trabalho, seus funcionários focam no que é realmente prioridade para a organização.

Vale a pena dar uma pesquisada e aposte na tecnologia para manter um relacionamento saudável com seus clientes internos.

Como funciona na prática a construção de um relacionamento com seu cliente externo?

Em toda jornada de compra, esse primeiro contato é a chave. E como fazer isso?

  • Procure adivinhar suas necessidades

A partir do momento que você conhece as necessidades do seu cliente, fica bem mais fácil atender ao que ele está procurando. E se ele consegue obter a resposta que espera, já começa a se criar uma relação entre você e sua marca.

Uma ideia é você traçar um perfil do cliente com base na sua idade, nas suas motivações, nos seus interesses, nas suas necessidades, etc. Depois de ter definido seu perfil, pense como seu produto ou serviço pode satisfazer às suas expectativas.

  • Use a linguagem certa

Use sempre uma linguagem simples e compreensível. Dessa forma, você ajudará seu cliente a compreender o que você está falando. E isto gera um sentimento de confiança. É muito mais fácil retermos na nossa memória uma música curta do que uma longa e com um idioma que não dominamos.

  • Mostre a ele quais as vantagens do seu produto ou serviço

Você pode tornar essa relação mais sólida quando seu cliente perceber que o que você está lhe oferecendo trará vantagens e que todas suas necessidades serão satisfeitas com aquele produto.

E é importante selecionar algumas características do produto que irão solucionar o problema daquele cliente específico.

Além disso, principalmente nos dias de hoje, é fundamental você reforçar quanto de economia ele poderá fazer.

  • Seja sempre verdadeiro e honesto

Seja honesto sobre seu produto. Você nunca irá fidelizar um cliente se não for verdadeiro e dizer a ele o que realmente seu produto é.

Esse erro é muitas vezes cometido, principalmente por aqueles que querem vender de qualquer maneira, sem pensar primeiro no cliente.

Lembre-se: um cliente satisfeito, volta. Além aumentar as chances de indicar a sua empresa para familiares e amigos. Ser honesto é a base para criar um relacionamento de confiança.

  • Dê tempo para o cliente se decidir

Ficar insistindo pode levar a um fracasso. Permita a seu cliente tomar a decisão com calma, pensar e depois tomar a iniciativa. Muitas vezes, ele ainda não sabe se aquilo vai resolver o seu problema e por isso, procure tirar todas as dúvidas.

É muito importante você criar emoções positivas para manter o relacionamento com seus clientes internos e externos, pois isso gera confiança.

Ao lidar seja com clientes internos ou externos, fique atento ao que seu cliente está falando, e se possível, não o interrompa.

Você precisa mostrar que entendeu perfeitamente todos seus questionamentos, e assim, ele aceitará com mais facilidade o que você propõe.

Conheça as vantagens de implementar estratégias de relacionamento

Independentemente de ser o relacionamento com clientes internos e externos, um bom relacionamento impacta diretamente no crescimento do seu negócio.

E não só isso! A construção de um relacionamento sólido e de confiança ajuda em criar um bom ambiente de trabalho e na fidelização de clientes potenciais.

Por que você deve prestar atenção com seu cliente interno?

Simplesmente porque garante um bom serviço também para seus clientes externos. E como já foi falado, a satisfação dos clientes internos influencia na sua produtividade.

A maioria das empresas geralmente tem uma maior preocupação com seus clientes externos, é claro que são importantes, afinal, são os que mantêm a estabilidade financeira da empresa.

No entanto, os clientes internos são peça chave em toda essa engrenagem, pois são os responsáveis por fazer a organização funcionar, inclusive, ajudam a aumentar a visibilidade da empresa, por exemplo, por meio de um bom atendimento.

Lembre-se sempre que o primeiro contato do cliente externo com a sua marca é através do seu cliente interno. Então, fortaleça esse relacionamento antes de mais nada.

Um outro ponto é que esse processo deve ser constantemente reavaliado e se necessário, fazer alguns ajustes.

E saiba que para simplificar todos esses processos, a dica é usar a tecnologia a seu favor, pois ajuda a tornar o planejamento muito mais simplificado.

Hoje, existem alguns sistemas de gestão que auxiliam a minimizar possíveis falhas, aumentar o nível de satisfação e dessa forma, desenvolver um relacionamento baseado na confiança e credibilidade.

Soluções ERPPowered by Rock Convert

Deixe aqui seu comentário