Tempo de leitura: 4 min

Na rotina da gestão empresarial, são comuns alguns erros no controle do fluxo de caixa. Muitas vezes, eles parecem inofensivos, mas se não houver uma mudança na cultura da empresa para evitá-los, tomam grandes proporções.

Impedir que esses erros aconteçam é fundamental para que o negócio cresça de forma saudável, pois esse registro ajudará no planejamento financeiro, no plano de negócios e, até mesmo, nos investimentos futuros. Neste post, mostraremos os erros comuns no fluxo de caixa, suas consequências e como evitá-los. Confira!

Erros no controle do fluxo de caixa

1. Não registrar todas as movimentações

Um dos erros mais comuns no controle do fluxo de caixa é a falta de registro de todas as movimentações financeiras da empresa. Isso acontece, geralmente, porque algumas transações podem parecer insignificantes. Porém, essas operações podem acumular durante o mês ou o ano, o que traz uma instabilidade nas contas. Se você fez pequenas movimentações e não as registrou, esse dinheiro pode faltar no caixa.

Isso acaba se tornando uma bola de neve: você fará pequenas correções “manuais” no fluxo de caixa, mas que não representaram a realidade da saúde financeira do negócio, trazendo problemas futuros, como falta de capital ou dívidas inesperadas.

2. Não fazer previsões realistas

Outro ponto que afeta negativamente o controle do fluxo de caixa  e, consequentemente, toda a gestão empresarial  é não fazer previsões realistas, tanto de entrada quanto de saída. Ser muito otimista e superestimar os lucros a curto e médio prazo sem uma base bem fundada funciona como uma “traição” para o negócio. Todo o planejamento irá por água abaixo, tendo em vista que a entrada de capital não será efetivada, contribuindo para o fracasso do negócio.

Por outro lado, ser muito pessimista em relação aos lucros do negócio com base no fluxo de caixa também costuma ser prejudicial: a sua empresa ficará estagnada, sem investimentos em áreas que poderiam alavancar as vendas ou a prestação de serviços.

O ideal para evitar tudo isso é utilizar todos os dados do fluxo de caixa de forma inteligente e realista, organizando estudos e planos de negócio que possam prever, com uma boa precisão, o que é esperado de lucro a médio e pequeno prazo.

3. Não acompanhar o fluxo de caixa diariamente

Os registros do fluxo de caixa precisam ser atualizados diariamente para que seja possível se ter uma boa ideia da saúde financeira do negócio em tempo real. Apesar disso, muitas pessoas costumam fazer essa atualização de forma semanal ou mensal. Isso acontece porque, muitas vezes, a correria do dia a dia impede que os dados sejam lançados, ficando anotados em cadernetas ou mesmo “na memória” do responsável, para serem repassados em outro momento.

Com essa prática, o empresário só perceberá algum erro ou inconsistência na saúde financeira depois que o problema ocorreu, tendo sempre que tomar medidas de urgência. Quando os dados são lançados diariamente, esses problemas e inconsistências podem ser observados e previstos com antecedência, sendo evitados com um bom planejamento. Essa prática é ideal para que eles não tomem grandes proporções.

A dica é criar uma rotina e cultura de lançamento de movimentações financeiras no fluxo de caixa todos os dias. Reserve um tempo para isso, sem deixar que nada impeça esse procedimento; você pode, inclusive, designar um funcionário para fazer esse registro no final do expediente.

Seguindo as nossas dicas, você conseguirá manter um fluxo de caixa que seja eficiente e ajude na gestão do negócio, não servindo apenas como registro, mas como uma ferramenta de planejamento para o futuro financeiro da empresa.

Não esqueça que a melhor forma de evitar erros no controle do fluxo de caixa é contar com um software de gestão empresarial adequado para a realidade da sua empresa, automatizando os registros e integrando com outros setores.

Agora que você já conhece nossas dicas sobre uma boa gestão do fluxo de caixa, não deixe de acompanhar nosso guia completo para controle financeiro empresarial!

Soluções ERPPowered by Rock Convert

Deixe aqui seu comentário